PRERROGATIVAS, UMA QUESTÃO DE JUSTIÇA!

MATO GROSSO - 14ª SUBSEÇÃO DE PEIXOTO DE AZEVEDO

Newsletter


Ir para opção de Cancelamento

Agenda de Eventos

Abril de 2020 | Ver mais
D S T Q Q S S
# # # 1 2 3 4
5 6 7 8 9 10 11
12 13 14 15 16 17 18
19 20 21 22 23 24 25
26 27 28 29 30 # #

Notícia | mais notícias

OAB-MT fixa percentual mínimo de gênero na composição de seus eventos

14/02/2020 17:00 | Representatividade
Foto da Notícia: OAB-MT fixa percentual mínimo de gênero na composição de seus eventos

   img A representatividade de mulheres e homens está garantida nos eventos da Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Mato Grosso (OAB-MT). Órgão máximo da entidade, o conselho pleno aprovou, nesta sexta-feira (14), a Resolução 006/2020 que fixa no mínimo de 30% a composição de cada gênero nos eventos promovidos pela Ordem.

    A partir de agora, eventos que tenham mais de um palestrante, deverão contar, em sua programação, com palestrantes, debatedores, expositores homens e mulheres, sendo que o mínimo a ser observado na composição é a participação de, pelo menos, 30% de um dos gêneros.

    “Isso só vem reafirmar que a OAB-MT defende, busca e buscará sempre liberdade, igualdade e democracia, que são a base da nossa instituição”, ressaltou a vice-presidente da Ordem, Gisela Cardoso.

    Em Mato Grosso, as mulheres advogadas representam mais de 48% da advocacia ativa. Na composição do conselho seccional e nas presidências das comissões, as advogadas respondem por mais de 30%.

    “Oportunidade não é privilégio, não é preferência”, destacou Gisela Cardoso, que lembrou que a participação das mulheres, que historicamente foram minoria na composição de espaços, vem crescendo gradualmente não apenas em eventos, mas em todas as estruturas.

    Para a presidente da Comissão de Direito da Mulher da OAB-MT, Clarissa Lopes Dias, trata-se de mais uma política afirmativa da Ordem que assegura não apenas a representatividade feminina, mas também a participação de homens em eventos maciçamente compostos por mulheres.

    “Cresci ouvindo que as mulheres não precisam de ações como essas porque têm competência para ocuparem espaços, mas a OAB tem uma representatividade social muito grande e precisamos dar esse exemplo para a sociedade”, comentou a conselheira estadual Narana Souza Alves.

    Presidente da OAB-MT, Leonardo Campos lembra que a seccional foi pioneira ao implantar o auxílio maternidade às advogadas e, agora, dá mais um importante passo para garantia da igualdade em todos os seus eventos, inclusive no Março Mulher.



Assessoria de Imprensa OAB-MT
imprensaoabmt@gmail.com
(65) 3613-0929
www.twitter.com.br/oabmt
www.facebook.com.br/oabmatogrosso


Facebook Facebook Messenger Google+ LinkedIn Telegram Twitter WhatsApp